Search

Abraskadabra anuncia novo disco pelo selo norte-americano Bad Time Records




Com 18 anos de estrada, experiências no exterior e diversos registros lançados (entre full length, singles e EPs), a banda de ska punk curitibana Abraskadabra anuncia o novo álbum Make Yourself at Home para o dia 24 de setembro (pela gravadora norte-americana Bad Time Records), e cujo primeiro single é Do We Need a Sign?, já no streaming e em videoclipe.


Ouça e assista ao clipe aqui: https://abraskadabra.com.


E o segundo single já tem data confirmada: ‘Cattle life’ chega às plataformas no dia 3 de setembro. Antes do disco ainda sai ‘Set us free’ no dia 16 de setembro. Do We Need a Sign? é uma expressiva canção que realça o ska punk com elementos de pop punk do Abraskadabra, uma banda com sete integrantes.

Aqui começa a nova fase pós-Welcome - álbum de 2018 que levou o Abraskadabra para uma turnê em mais de 20 cidades dos Estados Unidos e também passou pela Escócia, Inglaterra em grandes festivais internacionais (Rebellion Fest, Boomtown Fair, Ska by Skawest) e chegou inclusive até o Japão.

‘Welcome’ ainda foi eleito um dos melhores discos de ska-punk do ano pelo site americano especializado Ska Punk Daily. Chamaram a atenção até de Vinnie Fiorello, ex-baterista e principal compositor do Less Than Jake, que elegeu o Abraskadabra como uma das promessas daquele ano: ““A mistura de skate punk, ska e pop punk é equilibrada e executada na perfeição. Ótimas linhas de sopro, bateria rápida e grandes melodias”. Agora, três anos depois de saudar aqueles que foram chegando, o Abraskadabra quer que todos eles - todos vocês - fiquem à vontade e sintam-se em casa.

O processo de composição começou há um ano e meio, mas foi acelerado durante a quarentena, quando o mundo parou. Sem bares, festas e shows, a música serviu de companheira para muita gente, e assim foi surgindo o conceito de ‘Make yourself at home’. “Queremos que o nosso público não apenas se sinta em casa, mas se encontre em casa, e seja novamente bem-vindo, agora à nossa nova casa”, diz o guitarrista e vocalista Eduardo “Du”.

O álbum não é apenas uma continuação de “Welcome”, mas sim, uma evolução na discografia da banda. “Make yourself at home” reforça a fórmula de riffs marcantes e refrões para cantar junto, mas capricha ainda mais nas letras, nas melodias e nos arranjos dos sopros, sem perder o peso, outra característica essencial do grupo.


A nova casa do Abraskadabra E a nova casa do Abraskadabra agora se chama Bad Time Records. Uma gravadora americana especializada em ska-punk, focada em artistas que conversam com os novos tempos. O selo fará o lançamento de Make Yourself at Home no streaming e em vinil colorido.

Serão 4 versões diferentes do disco em vinil colorido com distribuição nos Estados Unidos, Reino Unido, Japão, e é claro, no Brasil Bandas que lutam contra o racismo, o machismo, a homofobia e qualquer tipo de preconceito, resgatando o sentimento de união sobre o qual o ska foi fundado.

O nome “Bad Time” faz piada com algo que o seu criador Mike Sosinski sempre ouvia quando decidiu abrir uma gravadora de ska em 2018: “é uma má hora para esse gênero musical”.

Mike provou a todos que era possível mudar essa história e fez a sua própria hora. Hoje, a Bad Time Records é a casa dos principais nomes do ska-punk nos Estados Unidos, como We Are The Union, Bad Operation, Joystick, Catbite e Kill Lincoln, banda do próprio Sosinski.

“Não há um lugar melhor para uma banda de ska estar neste momento”, diz o trompetista João Paulo “JP”.


Crédito da foto: Fabiano Piasecki


Abraskadabra instagram.com/abraskadabra https://abraskadabra.com/


Contato para a imprensa