Search

Lockdown estreia com single e clipe 'Archangel'


O Lockdown, grupo criado em plena pandemia pelo vocalista João Gordo (R.D.P.), o guitarrista Antonio Araújo (Korzus e Matanza Ritual), o baixista Rafael Yamada (Claustrofobia e ex-Project 46) e o baterista Bruno Santin (Endrah), faz sua estreia com o single "Archangel", lançado pela Blood Blast, subsidiária digital da gravadora alemã Nuclear Blast. A faixa, mixada e masterizada por Rodrigo Oliveira (Korzus) no Dharma Studios (SP), faz parte de um EP intitulado "Unholy Ceremony Heretic", que será lançado em fevereiro. "Archangel" vem acompanhado de um videoclipe, dirigido e editado por Raul Machado. "É um diretor conhecido da época da MTV, que já fez diversos clipes famosos de bandas como Raimundos, Planet Hemp e muitas outras", observou o guitarrista. Confira o videoclipe de "Archangel" em https://youtu.be/84oPT64tFR8

Para Raul Machado, diretor e editor do videoclipe, que criou o projeto "The Quarantine Experience" durante a pandemia, foi muito bom trabalhar com o Lockdown. "Já fiz vários trabalhos com João Gordo e sempre foi divertido. Antonio é muito profissional e a única observação depois do primeiro corte foram umas cenas da baterias que estavam fora de sincronia e o pentagrama que eu tinha colocado de cabeça para baixo", revelou. "O resultado final ficou chocante! O vídeo é do Raul Machado, que fez 80% dos clipes que se viu na MTV nos anos 90, desde Planet Hemp, Raimundos, Chico Science & Nação Zumbi a Sepultura e Ratos de Porão. Considerando que aparecemos na quarentena, inicialmente como um passatempo, e tendo cada um filmado em seu canto, o resultado ficou muito bom! Transmite o peso e a fúria da banda e casou com o projeto de quarentena dele", completou João Gordo. Sobre a temática antirreligião, tema próximo do black metal, o guitarrista e compositor de todo o material, Antonio Araújo, explica que Arcanjo Helel é um dos nomes de Lúcifer. "Essa música tem um pé no thrash metal, mas revela o tipo de death metal que o Lockdown faz. Possivelmente, é a mais forte do material, trazendo um refrão marcante e ritmo intenso, que ditam as características do grupo de entregar composições violentas, diretas e rápidas", observou. "Essa música é satânica, bem do estilo que a gente quer fazer mesmo para chocar os crentes", acrescentou João Gordo, que não gravava um disco completo em inglês desde 1993 com "Just Another Crime in... Massacreland", lançado pelo Ratos de Porão. "Até gravei outros sons em inglês na época do 'Feijoada Acidente', mas eram covers. Quando Antonio me convidou, as músicas e letras já estavam prontas. Achei que seria difícil, mas, quando comecei a cantar, funcionou. Até com sotaque mais ou menos e pronúncia aceitável." O próximo single, "Hymn of Hate", está agendado para 7 de janeiro e o EP, que teve a arte gráfica criada pelo renomado artista Alcides Burn (Burn Artworks), será lançado em 5 de fevereiro no Brasil. "A música 'Hymn of Hate' é a mais rápida, curta e brutal do material. Como o título claramente professa, é um hino de ódio. E ódio é o que se ouve nessa música do começo ao fim, sendo a faixa mais 'crossover', que honra a tradição do vocalista João Gordo, um dos pais do estilo", revelou o guitarrista. "No Brasil, o selo All Music Matters irá lançar o EP em vinil 12" one side e em CD", concluiu.


Spotify: https://is.gd/nKqqzl Deezer: https://is.gd/L98h4H Mídias sociais: @lockdowndeathmetal E-mail: lockdowndeathmetal@gmail.com Raul Machado "The Quarentine Experience": https://www.youtube.com/user/rauuul Imprensa - ASE Music: asepress.com.br/music | music@asepress.com.br